Header Ads

Formula Negocio Online

Cuidado também com seu smartphone

cuidado com virus no smartphone
Um em cada 20 smartphones estará infectado em 2012.


A crescente produção de malwares para a plataforma Android, combinada com as vulnerabilidades apresentadas pelo sistema Apple iOS, podem levar a uma estimativa assustadora de infecção por pragas digitais no ano de 2012. O nível de infecção pode ser de um em cada 20 dispositivos ativos no mercado. 

  Segundo a empresa de segurança Trusteer, o aumento do volume de malwares vai impulsionar o nível de infeção total para 5% em um prazo máximo de 2 anos. A previsão é baseada principalmente na expansão do mercado do Android, que o executivo chefe da Trusteer, Mickey Boodaei, descreve como "um paraíso fraudulento".




Mickey alega no relatório "Malware Mobile" que "a arquitetura de segurança do Android não está pronta para o desafio de ser líder de mercado. Isso se reflete principalmente na facilidade de se produzir poderosos aplicativos voltados para fraudes eletrônicas, e a facilidade que esses aplicativos são distribuídos."
Boodaei explica que a facilidade de se desenvolver um software malicioso para o Android é ainda mais evidente quando comparado com os fracos controles de segurança que as lojas de aplicativos possuem. E isso vem sendo explorado pelos desenvolvedores de malware.




A plataforma iOS da Apple não está imune de ameaças, segundo Boodaei. O rígido processo de triagem da App Store mantém as ameaças com potencial destrutivo longe da loja de aplicativos, mas isso não impede que eles atuem fora da App Store, sendo igualmente perigosos. Os aparelhos com jailbreak estão sob constante risco de ataques, e que as novas técnicas de desbloqueio dos dispositivos Apple tornam o quadro ainda pior.

Analistas da indústria concordam com as informações do relatório, e destaca as áreas de maior preocupação do mercado de dispositivos móveis. O vice-presidente da Forrester Research, Chenxi Wang, disse que embora os valores projetados possam parecer ambíguos, os pontos destacados por Boodaei sobre a ameaça de malwares para os sistemas Android, e das preocupações de segurança dos dispositivos iOS são válidos. Já Chris Jones, vice-presidente da Canalys, observou que o crescimento do Android faz com que seja natural o interesse dos desenvolvedores de malware, tornando o sistema móvel do Google naturalmente vulnerável.


por: Eduardo Moreira do TechTudo

Tecnologia do Blogger.