Header Ads

Formula Negocio Online

Anonymous teria realmente recuado ante Los Zetas?

Os membros do Anonymous que ameaçaram publicar informações e identificação de associados do Los Zetas , um dos cartéis de drogas mais poderosos e violentos do México, recuaram poucos dias antes da data prevista para operação, 05 de novembro.


O retirada repentina se deu por meio de um relatório ao Jornal Mexicano Milenio , publicado na noite de domingo, que apresenta observações de dois auto-identificados participantes da "Operação Anonymous Cartel", Skill3r e Glyniss Paroubek.
Falando sobre a operação ao Jornal Milenio, relatam os membros no anonymous: "Nós não podemos ser administradores irresponsáveis ​​para condenar os participantes [na operação] à morte...", "Nós discutimos amplamente e todos nós decidimos remove-la."

Porem  anúncio do recuo pode não ter chego a tempo pois o  Los Zetas já teria começado a caçar os hackers.

Segundo a empresa de inteligência Stratfor publicou nesta terça-feira: Sabemos de relatos de que Los Zetas estão implantando suas próprias equipes de especialistas em informática para rastrear os indivíduos envolvidos na campanha "anti-cartel", que indica que o grupo criminoso está levando a campanha muito a sério. Os indivíduos envolvidos correm o risco de lesão, rapto e morte a julgar pela forma como Los Zetas tem lidado com ameaças no passado.

Stratfor anteriormente divulgou  uma nota igualmente terrível em seu primeiro relatório sobre a campanha Anonymous em 28 de outubro , escrevendo: "A perda de vidas será uma consequência certa, se o Anonymous liberar as identidades de pessoas que colaboram com cartéis ... A validade das informações que o Anonymous ameaçou revelar é incerta, já que não poderiam provar. Isso poderia representar um perigo indiscriminado aos indivíduos mencionados e aos integrantes do Anonymous".

Um membro auto-identificado como Veracruz Anonymous emitiu pela primeira vez as ameaças contra os cartéis no YouTube em um vídeo postado em 06 de outubro, em espanhol , e depois em Inglês , alegando que os membros do Anonymous estavam sentados na informação de identificação pessoal dos motoristas de táxi, jornalistas e policiais que haviam trabalhado com o cartel. O orador mascarado no vídeo ameaça divulgar as informações a menos que o cartel  libertasse o membro do grupo que teria sido sequestrado em Veracruz durante outra operação do Anonymous, apelidada de "Paperstorm".

O jornal Milenio também faz referência a um texto de retratação liberado pelo Anonymous dizendo que as informações publicadas sobre partidários do suposto cartel, não deve ser creditado ao grupo.

O aviso parece ser similar em conteúdo postado em 30 de outubro no México Anonymous Facebook Page, onde se lê:
Seguidores queridos desta página. Através deste meio Anonymous México nega toda a responsabilidade sobre as notícias da invasão de uma página supostamente relacionado a um cartel. [..] A nossa luta não é deste tipo e os nossos ideais não estão em sintonia com essa operação. A nota publicada em vários meios eletrônicos é completamente falsa. Pedimos o seu apoio em distribuir este comunicado.
Milenio também cita o Twitter Anonymous vários posts com a chamada para o cancelamento da operação, incluindo um usuário com o nome "@ Sm0k34n0n.".

"Porem esta parace não ser a opnião de 100% do Anonymous"
 
Ao mesmo tempo, outros membros Anonymous de outras partes do mundo, em nglês dizem não ter jogado a toalha e ainda estão planejando mater a operação e lançar informações incriminatórias sobre colaboradores Los Zetas em 5 de novembro, dia de Guy Fawkes, como inicialmente previsto.

O jornal cita outra conta no Twitter Anonymous, "@ AnonymouSabu", supostamente pertencentes a Sabu  notório hacker Anonymous, com  o seguinte conteúdo: "# OpCartel está mais viva do que nunca e como eu disse aos outros em particular, a guerra contra a corrupção é em ambos os lados do espectro. Estamos indo para a guerra! "

 " Essa história ainda não acabou, aguardem"

Artigos relacionados:

Zetas liberam membro do Anonymous!
Tecnologia do Blogger.